A qualidade está nos detalhes

Artigos

O custo da qualidade de software

Em 2009 foi registrada uma redução de 11% na quantidade de novas falhas de segurança (vulnerabilidades), em relação ao ano de 2008, segundo estudo realizado por grupo especializado da IBM.

Apesar disso, as falhas de software, não só de segurança, ainda são uma realidade. O mesmo estudo indica que houve um aumento de 50% no número de falhas em aplicativos multimídia.

O pregão da Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) foi interrompido nesta quarta-feira (24/fev) por cerca de 50 minutos, entre às 14h50 e às 15h40, devido a uma falha de software. O software em questão é licenciado pela Nyse Euronext, utilizado para difusão de dados e envio de mensagens de confirmação de execução de ordens. O defeito no software gerou lentidão no sistema e intermitência no envio de mensagens aos participantes, o que fez com que a Bovespa decidisse parar as negociações. A Bovespa é mais um exemplo do risco representado por falhas em software.

Este problema fica ainda mais sério, à medida que o software ganha importância em nossa sociedade. Quanto dinheiro não foi perdido nessa hora de interrupção na Bovespa? Quanto dinheiro não perdeu a Toyota, ao fazer o recall de 8 milhões de veículos, devido a problemas de software? Quanto dinheiro SUA EMPRESA perderia, se seu site de vendas de chocolate online ficasse indisponível durante a páscoa?

Mas como tratar essas falhas? Como impedir que eles cheguem ao usuário final?

Uma maneira é permitir que uma equipe especialista em testes de software, teste seu software. Segundo Matt Johnston, desenvolvedores e analistas de negócios encontram em seus testes em média 40% dos defeitos de um software. Uma equipe especialista costuma encontrar pelo menos 80%.

Outra maneira, de aplicação menos genérica, é utilizar automação de testes para garantir que alterações e novas funcionalidades no software não adicionaram falhas em funcionalidades antigas.

Enfim, não existe bala de prata. É necessário investir em qualidade, a fim de evitar custos e perdas desnecessários.

Share Compartilhe esse artigo

Publicado em: 27/02/2010

Autor: Sofist - Intelligent Software Testing

O que fazemos?

Newsletters

Cadastre-se em nosso site para receber nossas novidades em seu e-mail.





©Copyright 2009-2017 - Todos os direitos reservados.